27 julho 2013

Cosputas: O machismo enrustido no cosplay

Oi, gente!
Como passaram a semana nesse frio do capiroto?
Minha cidade chegou à 2ºC em uma madrugada em que passei calor por ter colocado cobertores demais ahushaushauhsuah XD
Eu tenho a sensação que reclamo menos do frio do que meus amigos, mas acho que ter nascido e ter sido criada no Paraná tem uma influência nisso.
Eu realmente gosto do frio, não gosto daquele calor que deixa a gente melequento.
No frio a gente pode colocar todas as roupas que quiser e não fica suando que nem um maratonista. :)

Eu reparei em uma conversa que tive com a Mih-Chan, que eu escrevo pouco sobre esses assuntos mais teóricos do cosplay.
Uma coisa é eu vir aqui e postar meus cosplays e contar coisas sobre a minha semana, outra coisa é eu vir aqui e contar minhas opiniões sobre o que penso do cosplay e de algumas coisas dentro dele.
Percebi que muitas pessoas acompanham meu blog há anos e não sabem a minha opinião sobre alguns assuntos.
Eu acho que passou da hora de comentar sobre cada aspecto dentro do cosplay. Afinal, meu blog é mais para contar meus pensamentos do que para qualquer outra coisa.
Decidi entrar em alguns pontos polêmicos do cosplay e contar minhas opiniões sobre eles. E acredite, eu sou muito revoltada com essas coisas.

Pra começar bem eu decidi começar pelo mais polêmico e o mais criticado: o que chamam por aí de "cosputas".


Eu desde pequena sempre fui do contra. Nunca aceitei que me dissessem o que fazer, se eu julgasse que o que me mandavam fazer era errado.
Uma das coisas que mais me enchem o saco na vida é o fato de quererem mandar em mim, simplesmente porque sou mulher.
"Ai, porque você é menina devia se comportar", "aí, porque você é menina e não devia fazer escândalo assim", "é muita falta de classe uma mulher ficar falando palavrões nas mídias sociais", "porque mulher de família não faz cosplay de personagens peladas" e mimimimi.
Já ouvi exatamente isso das mais variadas pessoas, tanto pessoalmente quanto por indiretas no facebook ou no twitter.
Eu sempre fiz o que gostava, sempre fiz o cosplay pelado que quisesse, porque pra mim, eu faço a personagem porque gosto dela, independentemente da roupa que ela usa, seja uma personagem freira ou uma prostituta que mata bandidos nas horas vagas.
Eu já recebi muitas indiretas por usar cosplays com decote profundo, já vi gente falar que uso tantas personagens de roupa curta porque quero aparecer e mostrar minhas pernas pra ganhar uma meia dúzia de fãs pra me elogiarem.
Veja só o tipo de merda que sou obrigada a ler simplesmente porque gosto de personagens fora do convencional!
Eu já disse e repito quantas vezes forem necessárias que eu não escolho personagem pela roupa, escolho pela afinidade que tenho com ela. Se escolhesse por roupa não teria personagens com roupas quentes ou desconfortáveis. Só escolheria roupas fresquinhas e peladas.
A questão que sempre me vem a cabeça é:  E SE EU QUISESSE usar um cosplay só porque a personagem usa uma roupa mais decotada? E se eu quisesse sim, escolher uma personagem porque usa uma roupa pelada? O que é que as outras pessoas tem a ver com isso?


No cosplay as pessoas fazem uma diferenciação entre AS cosplayers de personagens sensuais e garotas que sensualizam as roupas.
Personagens sensuais são aquelas que tem originalmente roupas curtas, como biquinis e decotões. E disso quase ninguém invoca, a menos que seja uma pessoa bem mala sem alça. 
As garotas que sensualizam os personagens são cosplayers que fazem cosplay de uma personagem que tem originalmente uma roupa comprida/recatada, mas na hora de fazer cosplay customizam essas roupas para que fiquem mais curtas, mais apertadas ou mostrando mais partes do corpo. Essas meninas que "emputecem" suas personagens são chamadas pelos outros cosplayers de "cosputas".
Eu simplesmente detesto esse nome, e detesto mais ainda quem usa esse termo.


Diferenciar pessoas assim é exatamente a mesma coisa de quando você vê uma mulher na rua usando um vestido comprido e acha elegante e bonito.
Aí passa uma mulher com um vestidinho mais curto e coladinho e você já enche a boca pra chamá-la de puta ou de piriguete.
Você não sabe quem ela é, não sabe nem o nome dela ou quantos anos ela tem, mas você tem uma certeza: é piriguete, porque mulher decente não usa esse tipo de roupa.
Como se mulher fosse obrigada a andar de burca na rua pra que a sociedade saiba quem é mulher "certa" e quem é a mulher "errada"!
Eu tenho uma única frase pra  dizer nesse caso: COSPLAYER, VOCÊ É MACHISTA!


Muitas pessoas dizem que o feminismo morreu, porque ele lutava por igualdade entre homens e mulheres, e hoje não precisamos mais dele porque as mulheres já tem direito iguais. 
DIREITOS IGUAIS SÓ SE FOR NA SUA BUNDA!
E nem na bunda é, porque mulher que mostra a bunda é puta, e cara que mostra a bunda e vid4 lok4 maloqueiro.
Reflita sobre isso.
Você sai na rua no verão e vê aquele monte de homem sem camisa, com aqueles mamilos peludos na sua cara, e todo mundo acha normal. 
Agora se uma mulher sai na rua sem sutiã, ou de vestidinho e os mamilos ficam marcando a roupa, todo mundo acha um escândalo e fica olhando, e bate foto pra postar no facebook e fala que o "farol tá acesso". 
Ah, por favor. Olha o tipo de nojeira misógina que a gente escuta todo dia.

Eu vejo mulheres de vestido, as más linguas enxergam piriguetes querendo atenção

Sou universitária que estuda período integral, no inverno quando volto pra casa, já está escuro e caminho cerca de 6 quarteirões do ponto de ônibus até a minha casa.
Vocês não tem ideia de como os homens acham que mulher que sai a noite, mesmo que seja 7 horas da noite e ela esteja com uma mochila e carregando 3 livros no braço, merece ser desrespeitada.
Eu moro em uma cidade fria, a média no verão é de 22º C e no inverno de 11ºC.  Sempre estou de calça e blusa por aqui e mesmo assim eu escuto os tipos mais nojentos de cantada na rua quando volto pra casa.
Porque estou na rua a noite muito homem acha que eu não mereço respeito, que pode falar o que quiser e eu não tenho direito de reclamar, porque "mulher decente" não sai a noite na rua. 
Eu tenho vontade de rir na cara de qualquer pessoa que diz que feminismo morreu, que não tem porque lutar por igualdade hoje porque já somos iguais. 
Eu não sei vocês, mas eu não sou tratada como homem na rua.
Se um homem passa na frente de um bar nada acontece, se uma mulher passa na frente de um boteco, independentemente da roupa que ela estiver e independente da idade, ela vai ouvir algum gracejo.
Não somos iguais, mulher sempre é tratada diferente.
No cosplay é exatamente igual.


O cara que faz cosplay, e decide tirar a camisa pra fotografar, tá sussa. Todo mundo aceita de boa.
A mulher que faz o mesmo é "cosputa". 
Gosto quando dizem: "ah, a personagem nunca apareceu com essa roupa, então não tem porque fazer uma roupa assim".
Amigo, não é porque o personagem não aparece usando o banheiro, que isso signifique que ele não use o banheiro. 
Não é porque o cara não aparece dormindo que ele ele não dorme. 
Só porque porque a personagem não aparece de biquini, não significa que você não possa criar um biquini para ela!
Quantas vezes as pessoas não criam versões diferentes dos seus personagens?
 Não fazem versão de Natal? De Páscoa? De Halloween?
Versões que nunca apareceram no anime ou no mangá, mas mesmo assim todo mundo acha lindo e maravilhoso.
Agora versão com decote não pode. Versão com roupa curta não pode. Versão com mamilos não pode.
Você pode criar roupas novas, desde que não mostre seu corpo nelas. Porque você é mulher e tem que guardar seu corpo por baixo de mil quilos de tecido.
Homem pode fazer cosplay sem camisa, você que é mulher não pode.
Ah, por favor, olha o nível de incoerência dos cosplayers que falam esse tipo de nojeira.

   

Vão cuidar de suas vidas e deixem que as pessoas usarem as roupas que quiserem!
Ninguém tem nada a ver com isso. Só porque você não usaria um determinado tipo de roupa,  isso não quer dizer que o mundo todo não possa usar, ou que quem usa é piriguete, é puta, ou  uma pessoa que quer chamar a atenção. Ela simplesmente tem um gosto para roupas diferente do seu.
Lide com isso.
Por que você se incomoda com alguém mostrando os peitos no evento? São seus peitos? Os peitos da sua mãe? Você conhece os peitos que estão aparecendo? 
Se não conhece então não tem nada que sair falando a respeito.
Eu gosto de ver um cosplay sem camisa quando vejo um, gosto de ver um cosplay com decote quando vejo um, nem por isso eu fico encarando e falando mal do cara sem camisa, ou da menina com peitões. 
Deixa as pessoas cuidarem das suas próprias vidas!
Você não gosta que falem da sua vida, então porque você vai falar da vida dos outros? 
Aquela velha máxima de "Não faça nada que não queira que façam à você" vale muito aqui.
Hoje, você chama alguém de cosputa, e amanhã alguém chama você assim e você nem vai poder reclamar, porque ao longo dos anos você validou esse nome.
Usar esse termo só dá mais liberdade para que as outras pessoas usem e perpetuem essa coisa de policiar o cosplay alheio.

Seus olhos caíram de olhar para essas versões diferentes?

Eu sou feminista roxa, do tipo que marcha na rua gritando em protesto e que quando escuta uma cantada, olha no olho do desocupado machista e manda um digníssimo "pode enfiar seu elogio no meio do seu **" e sai sambando na rua.
Me recuso a aceitar qualquer tratamento diferente na vida simplesmente por ser mulher, e não sou diferente com o cosplay.
Chamam as mulheres que sensualizam seus personagens de cosputas, mas e os homens que fazem isso? Que nome recebem?
Pense bem e me responda. E não venha me dizer que não existe homens que fazem isso porque eu posso ficar dias aqui postando fotos desse tipo de cosplayer.
A gente sempre vê esses caras, com barba e roupas curtinhas nos eventos, vestidos com personagens femininos ou masculinos, de bumbum de fora, pagando peitinho, mas todo mundo acha graça, todo mundo ri e posta foto zuando como os caras estavam engraçados. Mas se mulheres fazem isso todo mundo cai matando e depois posta a foto xingando e fazendo discurso moralista sobre elas. "Cosputa" pra cá, "cosputa' pra lá.
A gente cobra que as cosplayers mulheres sejam recatadas, que não paguem peitinho nem mostrem o bumbum, mas não exigimos isso dos homens?
A coerência fica onde?

  
"Homem não fica sensualizando os personagens, por isso não tem nome diferente" 
Uhum, Cláudia. Senta lá.

Essa coisa de ficar julgando a cosplayer pela personagem que usa, é um reflexo da sociedade em que vivemos.
Uma sociedade cujo machismo está tão inserido nos nossos costumes, que inconscientemente julgamos que mulher que anda sozinha a noite é uma qualquer, que mãe solteira não presta, uma sociedade que julga as mulheres pelas roupas que usam. 
ROUPAS! São só isso! 
Levamos as roupas tão a sério no Brasil que se torna motivo para justificar o injustificável. 
Sempre que se noticia um caso de estupro ou abuso, a primeira coisa que perguntam é: o que ela estava usando e porque ela estava sozinha tão tarde na rua.
Roupas curtas ou provocantes servem até para justificar um homem agarrar uma mulher desconhecida na rua, levá-la para um beco e enfiar um cano de aço dentro dela. 
Veja que sociedade doentia nós vivemos. E você aí, apoiando e perpetuando a ideia de que "puta" não merece respeito, que pediu pra ser estuprada, que a culpa foi dela porque nunca foi santa e que a gente não devia nem dar atenção pra "esse tipo de mulher".

O tipo de comentário que uma vítima de estupro precisa aguentar.

Se você parar pra pensar vai ver que toda mulher se encaixa na definição de puta/piriguete. 
Você que anda de roupa curta na rua é piriguete.
Você que passa muita maquiagem na cara é piriguete.
Sua avó que teve sete filhos porque deu pro seu vô é puta. 
Sua mãe que engravidou na adolescência foi puta. 
Você que uma vez ou outra foi de roupa curta para um evento é puta na visão dos seus vizinhos que não sabem o que é cosplay.
Você que vê pornô é puta. 
Você que se masturba é puta.
Você que bebe no bar é uma puta. 
Se você não sai com os caras é porque você é uma puta fingindo de boa moça
Todo mundo é puta no final das contas. Toda mulher é considerada uma vagabunda.
É por isso que a maior marcha feminista do país recebe o nome de "Marcha das Vadias", porque elas saem na rua para mostrar que todas nós somos tratadas iguais: de maneira inferior porque nos vêem como vadias, como putas independentemente  de nosso caráter. Elas tentam nos fazer ver que precisamos parar de usar esse termo, porque não chamamos apenas uma mulher de puta, chamamos todas elas.
Ser mulher implica em ser julgada, diferente dos homens.
Tenta ser loira então pra ver como a sua vida fica três vezes mais difícil, porque vão menosprezar você como se fosse uma fútil que não sabe nem o alfabeto.
Tenta dirigir pra ver como é ser mulher motorista.
Tenta fazer uma faculdade de exatas para ver como te olham, como se você fosse burra e incapaz de somar dois mais dois, simplesmente por ser mulher.
É por esse tipo de pensamento machista enraízado que cosplayers mulheres, são classificadas e recebem denominações, diferentemente dos cosplayers homens.

Você mulher, em algum momento da vida foi ou vai ser chamada de vadia

Eu não julgo ninguém pelas roupas que usam, porque roupa não diz caráter. 
Se eu vejo uma mulher de saia curta na rua eu não suponho nada sobre ela, eu não sei quem é ela, onde mora, como vive, a vida que teve, então como posso assumir o que ela é ou o que ela  não é?
É só uma mulher com roupa curta na rua! Parem de julgar por isso. 
O mesmo, exatamente o mesmo vale para o cosplay, parem de julgar as cosplayers pelas roupas que usam nos eventos ou nos ensaios. 
Elas são quem quiserem ser, elas compraram ou fizeram a roupa, pagaram tudo com o próprio dinheiro e você não tem nada a ver com isso.
Se te incomoda tanto, preocupe-se com o seu bumbum ou o seu peitinho aparecendo, não com o dos outros.
A menos que se dirijam especificamente à você de forma agressiva, as pessoas são livres para  fazer o que quiserem das suas vidas. 
Ficar rotulando fulana de cosputa, de cospiriguete e essas coisa só serve para  mostrar quem você realmente é: um moralista maluco que só sabe cuidar da vida alheia. 
Se você é desses que fica rotulando cosplayers eu te dou uma dica que vai mudar a sua vida: Arrume um gato e vá cuidar da vida dele, ao invés cuidar da vida das outras pessoas, seu maluco machista.
E vá se tratar porque você precisa de ajuda psicológica.

Ficam aí as palavras sábias da Dona Florinda pra você, seu maluco.

E é isso gente. Essa é minha opinião sobre esse assunto todo.
Dá pra ver que eu sou uma pessoa briguenta que tem vontade de socar a cara das pessoas quando elas são incoerentes, né?
Sou assim mesmo, com machismo, com racismo, com homofobia, e com várias outras coisas.
Quem me conhece sabe o quão maluca eu consigo ser quando as pessoas são preconceituosas perto de mim.
Mesmo sendo assim as pessoas simpatizam comigo, eu acho que isso tem a ver com o fato que eu não deixo as pessoas me influenciarem a menos que estejam muito certas.
E vocês, o que acham sobre essa coisa de rotular e policiar cosplayers?
Fazem isso também? Ou são como eu?

Clique aqui para ver o post sobre Críticas não Construtivas e  Preconceitos no Cosplay.


Joguei:
Dead Or Alive 5 - Zerei o jogo no modo Story o/
Plants vs Zombies - Zerei o jogo também \o
Skyrim - Matei um dragão de gelo com as mãos nuas, amigos!

Assisti:
Jogos Vorazes (2012)

Música Viciante da semana:
"Safe and Sound" da Taylor Swift

"Aqueles que renunciam à liberdade em troca de promessas de segurança acabarão sem nem uma nem outra. Essa é uma lição que transcende o momento em que foi escrita."
"Posfácio de Christopher Hitchens" em "A Revolução dos Bichos" de George Orwell

21 julho 2013

Quadrinhos e Tutorial

Oi, gente!
Como passaram a semana?  Bem?
Eu passei a semana editando coisas e costurando.

Eu parei um pouco com o meu projeto de armadura porque eu realmente queria costurar alguma coisa. Costurei bastante durante a semana e logo logo os resultados vem para o blog.
Encontrei algum tempo para passar na comic shop aqui da minha cidade e comprei dois itens que pedi para reservarem para mim :3
Finalmente HOTD colorido chegou ao Brasil! Claro que eu como uma fã maluca de Highshool não poderia ficar sem comprar =3
Eu recebi uma versão desse mangá em japonês alguns anos atrás, me lembro até de ter feito uma review sobre ele no blog quando ganhei.
Eu senti muita diferença entre a versão original japonesa e a versão brasileira. Começando com a espessura que é ridícula de tão diferente.


A versão brasileira é muito mais fina e a versão japonesa tem capa dupla. As cores também são bem mais fortes na versão original e a textura do sangue na capa é MUITO mais perceptível ao toque. 
A capa interna japonesa não tem letras que atrapalhem as imagens,  então você consegue ver toda a arte com a Rei Miyamoto.


Por dentro as imagens são exatamente iguais, até mesmo a diagramação é igual. Os livros são diferentes em tamanho por conta da espessura das folhas.
Na edição japonesa cada folha tem a espessura da capa da versão brasileira.
As folhas coloridas da versão brasuca tem a mesma espessura das folhas de hq. Achei isso muito lamentável.


As folhas de quadrinhos são bem ruins porque com o tempo elas enrugam. 
A minha casa é bem úmida e frio, nos primeiros dois dias as páginas enrugaram todas.
A parte boa é que a capa não enrugou como aconteceu com meu V de Vingança que no dia seguinte estava parecendo uma língua de sogra, aquilo foi triste.



Em questão de tamanho, a versão japonesa e a brasileira são iguais, ela tem o tamanho de uma revista de quadrinho americano. 
A versão nipônica é vendida no japão por 1900 ienes, que seria algo em torno de R$43,00 enquanto a versão brasileira é vendida por algo perto de R$25,00. É o preço de uma versão especial de um quadrinho, acho um preço normal aqui no Brasil, não que eu considere esse preço justo, mas eu não teria problemas em pagar mais caro por uma versão mais bem feita, com páginas e encadernação melhores e que duram mais como a versão japonesa. 
Enfim, é uma boa versão, mas eu sinto muito mesmo que tenha tido uma queda de qualidade aqui no Brasil. Tenho a impressão que se ler muitas vezes as páginas podem se soltar. 

Comprei também a primeira edição de "Antes de Watchmen". 
Eu realmente gosto  de Watchmen e como só quero comprar a edição definitiva com capa dura e me recuso a comprar outra edição menos bacana, decidi comprar esses quadrinhos que conta as histórias de como os Vigilantes se tornaram vigilantes.  Essa versão do Coruja é bem interessante, com uma história bem bacaninha.  
Veio com um posterzinho de merchandising :3

 

 Eu realmente gostei das ilustrações desse quadrinho. Confesso que me fez gostar um pouco mais do Coruja depois dessa revista haushaush :)
Estou esperando as outras edições, especialmente a da Espectral, que é uma gostosuda =P



Essa semana publiquei mais um tutorial no meu youtube!
Fazia um ano que não publicava nada naquele canal então quero colocar um pouco de vida nele. 
O tutorial que publiquei é sobre como cachear perucas.


Enfim, o post dessa semana é isso.
Eu espero que vocês estejam bem. Semana que vem é minha última semana de férias e espero aproveitar bastante.
 Uma boa semana para todo mundo \o

Lí:
"A Revolução dos Bichos" 
de George Orwell

Joguei:
Dead or Alive 5 - X-Box 360

14 julho 2013

Armaduras, armaduras

Oi, gente!
Como passaram a semana?
Bem? Descansando? Engordando muito?
Eu passei dormindo mais do que a cama e trabalhando na minha armadura capetonica.

Eu descobri que armaduras são legais de se fazer, mas eu não gosto de trabalhar só nelas, esse meu cosplay de Skyrim só tem tem armadura, e isso me deixa meio frustrada.
Estou costurando umas coisas aleatórias aí pra passar o tempo e relaxar enquanto como gordices aqui na casa da minha mãe e engordo, mentira, não consigo engordar faz uns 9 anos, já =/

Bem, consegui terminar a Breastplate da minha armadura, ou pelo menos parte dela.
Eu testei formas novas de criar corselets para armaduras e gostei do jeito que acabou saindo.
Eu poderia ter lixado algumas partes para deixá-las mais lisas mas eu preferi deixar o negócio o mais rústico possível porque isso aqui é idade média, amigos.
Usei papietagem em cima de um manequim super magrelo que tenho aqui. É triste como esses manequins conseguem ser irrealmente magros, né?


Depois de umas 89246723523874289234 camadas de papel eu deixei secar, fiz as marcações que precisava, passei verniz em toda a estrutura, por dentro e por fora, esperei secar  e adicionei uns detalhes sinistros.



Ai impermeabilizei os EVA da vida, adicionei mais detalhes. Eu confesso que acho essa armadura muito mais daora em preto, mas ela é meio cinza no jogo. Ela tem uma cor muito peculiar que ninguém consegue reproduzir fora do jogo. Todos os cosplayers que fizeram ou tentaram fazer essa armadura acabam usando ela em cinza, porque não conseguem chegar no tom de preto/cinza que ela tem.
Eu tentei de 982723723 formas diferentes mas não consigo chegar na cor correta. Não sei como faz.


Eu descobri uma coisa muito louca durante o processo de criação dessa breastplate. 
Sempre tive problemas com peças de metal e esse tipo de coisa, precisava de duas argolas estranhas para a essa peça e não sabia onde encontrar.
Descobri que posso usar estanho para solda para moldar isso na forma que quiser.  Eles são vendidos em rolos e tem em várias espessuras daora. O mais legal é que o fio de estanho é super molengo e você consegue moldar ele na sua mão, sem fazer força \o/
Foi a coisa mais mágica dessa semana depois da espuma demônia que ainda não testei.
Eu usei um pedacinho de fio de um rolo exatamente como esse da foto, que é mais grossinho e tals. Ele não aguenta muito peso preso nele, mas para peças decorativas como essa minha ele é super útil! 8D


Adicionei alguns últimos detalhes antes de passar a pintura final. 
Como eu disse não consigo chegar no tom certinho da armadura, então ela está meio acinzentada no tom que todo mundo usa por enquanto. 
Se alguém tiver alguma ideia de como chegar na cor certa e puder me dizer eu agradeço =3


Bem, é assim que ela está no momento. Vou tentar usar um batedor e fazer aquelas sombras escuras que a roupa tem no jogo, e acho que vou acabar lixando as partes que estão meio amassadinhas mesmo.
Eu deixei elas sem lixar, mas acho que ficariam melhores lixadas =/
Vou fazer o teste e depois mostro como ficou =3


E minha armadura é isso por enquanto.  Preciso fazer SÓ todo o resto ahsuahsuahushu XD
Estou gostando de como ela está saindo, embora me dê um estresse do capeta e demore tanto pra secar T_T
Esperamos que eu consiga chegar no tom certinho.
Ah, estou fazendo um vídeo de como fazer uma breastplate, com tudo explicadinho, mas do jeito que sou devagar para editar vídeos ele ainda vai demorar um bucadinho.
Quero reavivar meu canal no youtube porque faz um ano que não publico nada de legal lá =O
Como estou no meu período de férias tenho tentado atualizar todos os dias a minha página no facebook. 
Essa armadura foi pra lá quase em tempo real nas noites em que trabalhava nela.
As pessoas que me seguem tem sido muito ativas e  realmente uns amorzinhos =3
Se você quiser pode seguí-la também clicando aqui e acompanhando meus progressos durante a semana e meus planos de cosplays futuros =3

Enfim, minha semana foi isso: armadura.
Espero que estejam todos bem e bem quentinhos =3
Uma boa semana para todo mundo o/

Lendo:
"A Revolução dos Bichos"
de George Orwell

Joguei:
"Legend of Zelda: Phantom Hourglass" (Nintendo DS)
"Castlevania: Order of Ecclesia" (Nintendo DS)
"Dead of Alive 5" (X-Box 360)

Música Viciante da Semana:
"Change" do Deftones

"Pela manhã ela era Lô, não mais que Lô, com seu metro e quarenta e sete  de altura e calçando uma única meia soquete. Era Lola ao vestir os jeans desbotados. Era Dolly na escola. Era Dolores sobre a linha pontilhada. Mas em meus braços sempre foi Lolita."
"Capítulo 1 - Lolita" de Vladimir Nabokov

08 julho 2013

Loiro Novo

Oi, gente!
Como passaram a semana? Bem?
EU ESTOU OFICIALMENTE DE FÉRIAS MESMO!!!!!!!!
Não é legal isso??

Voltei para a casa da minha mãe no sábado, e no domingo tivemos um meeting lolita aqui na cidade para comemorar nossa beleza haushaushuashua XD
Minha armadura está finalmente dando certo e agora tenho tempo para trabalhar nela com calma e no calor! Coisa que não tive na semana passada que foi chuvosa terrível.
Eu não gosto de postar fora do final de semana, mas me obriguei a postar para não deixar outra semana vazia. Espero que me perdoem por isso.

Comprei outra peruca!
Fiquei tão feliz por ter encontrado ela!
Eu estava de olho em uma peruca loira fazia tempo, precisava de uma para os meus cosplays de Moonstone e de Ms. Marvel *u*
Essa é tão perfeita! Quase não acreditei quando a encontrei em uma loja da minha cidade.
Não sei ainda se ela é resistente a calor, mas ela tem um fio bem legal, que tem um brilho discreto, não é nada parecido com aquelas perucas horripilantes do capeta que a gente compra pro carnaval.


 Eu tinha apenas uma peruca loira platinada e o cabelo da Ms. Marvel é mais puxado para o dourado, então estava procurando por outra peruca para comprar.
Eu sou muito paranoica com esse negócio de cor de peruca, já cheguei a comprar 4 perucas diferentes para uma mesma personagem porque nenhuma delas veio no tom que eu queria.
Ela não é tãããão comprida quanto eu gostaria que fosse mas eu gostei dela mesmo assim e acredito que ela seja perfeita para a personagem.
A peruca tem uns tons bem legais de loiro em várias intensidades, que dá um ar bem douradinho *u*
Ela também tem aquele couro cabeludo falso que é bem legal quando a peruca tem, porque permite uma melhor distribuição dos fios dos dois lados da cabeça e imita o topo da sua  cabeça  cabeçuda =3



O mais interessante nessa peruca foi o preço que paguei nela: 20 dilmas!
Custou menos de 10 dólares, quase não acreditei. Nem precisei esperar um mês para ser entregue nem nada disso. 
A lojinha que comprei estava vendendo uma dezena de perucas lindas e gigantes por 20 reais, nunca vi isso na minha vida. 
Eu só não comprei uma de cada porque já tinha uma de cada uma delas em casa HAUSHAUSHUASHUAHSUAHU XD
Se eu não tivesse 928723672 perucas pretas longas teria comprado uma daquelas que estavam na loja. Valiam muito a pena.
Eu sempre digo pra quem é cosplayer entrar nessas lojas de bugigangas de chineses porque vira e mexe você encontra coisas desse tipo. São surpresas muito boas, e isso faz com que você economize uma grana  fudida e bastante tempo.


Enfim, de daora de cosplay foi isso que aconteceu esse fds.
Na semana que vem FINALMENTE começam os meus tutoriais de armadura badass de Skyrim e tudo o mais.
Meu corpetinho está ficando muito digno *u*
Beijos para todo mundo e espero que todos estejam de férias também =3


Lendo:
"A Revolução dos Bichos" 
de Geoge Orwell

Assisti:
"Dredd"
"Colossus"
"They Live"
"Blade Runner"

Joguei:
"Plants vs. Zombies"
"Castlevania: Order of Eclesia"
"The Legend of Zelda:  Phantom Hourglass"

"Ela me amava pelos perigos que eu havia passado, e eu a amava por ela ter se compadecido de mim"
"Othello" de William Shakespeare